13 de novembro de 2009

Que Mario?

Aproveitando que mais uma edição da Feira do Livro de Porto Alegre está quase encerrando, lembro aqui uma história ocorrida anos atrás.

Não sei que ano era, só sei que a estrela da Feira era o escritor peruano Mario Vargas Llosa. Para infelicidade do seu fã-clube, ele fez apenas uma passagem relâmpago pela Feira, no meio de uma tarde. Eu estava com a minha câmera fotográfica (na época em que ainda se usava filme) e, junto com outros fotógrafos que se acotovelavam, consegui fazer algumas fotos muito boas [não consegui encontrá-las, então vão ter que acreditar em mim] e corri para o Jornal do Comércio, único veículo que não tinha fotógrafo destacado para a Feira (ou talvez estivesse dormindo num banco).

Cheguei lá e logo a sala de fotografia se encheu de curiosos para ver as fotos. O fotógrafo chefe entrou pouco depois, olhou as fotos sério, e falou, convicto: Hmm, Pablo Neruda!

Para minha surpresa, ninguém naquela sala discordou, apesar de não haver qualquer semelhança física entre o peruano e o chileno. Para piorar, ninguém lembrou do fato de que Pablo Neruda já estava enterrado desde 1973... No fim das contas, publicaram três das minhas fotografias, mas felizmente com o nome do escritor correto.

Abaixo, reproduzo fotos do Vargas Llosa e do Neruda. Mas não confundam: o Mario é colorido, o Pablo é P&B.

2 comentários:

  1. Plano americano, de perfil, com o rosto virado pra direita. Muito boa foto mesmo!

    ResponderExcluir

Colaboradores